QUIÉN SOMOS :: O QUE FAZEMOS

numeros quem somos

questionario

INFORMES:

 

Diretora de Pós-graduação da UNJu realiza visitas técnicas na UNICENTRO e UENP

Unicentro e Unju
A Diretora de Pós da UNJu com o Diretor de Relações Internacionais da Unicentro, professor Jairo Mello

A Diretora de Pós-graduação da Universidad Nacional de Jujuy (UNJu-AR), Profa Dra Patricia Luna Pizarro,  esteve no Brasil para visita técnica a duas Universidades Estaduais do Paraná,  com o objetivo de estreitar relações e prospectar novas parcerias internacionais em nível de pós-graduação, consolidando ações no âmbito da Rede Zicosur Universitaria.

Em 19 de setembro, em visita ao Campus Santa Cruz da UNICENTRO, em Guarapuava, participou da abertura da Semana de Ciências Econômicas e se reuniu com a equipe do Escritório de Relações Internacionais, com professores de diversas áreas da Universidade Estadual do Centro Oeste do Paraná interessados em parcerias com a UNJu. Ainda no Campus Santa Cruz,  conheceu a estrutura de pesquisa e pós-graduação oferecida pela Universidade, visitou a Editora e participou de um grupo de trabalho para a implantação de Mestrado em Comunicação na Universidade Nacional de Jujuy.

No dia seguinte (20/09), no Campus Cedeteg da UNICENTRO, também localizado em Guarapuava, a professora Patricia Luna Pizarro visitou o Departamento de Engenharia de Alimentos e fez reunião de de trabalho com o Diretor de Pós-graduação, Dr. Ricardo Miyahara. No município de Irati (21/09), onde a UNICENTRO mantém outro Campi, a Diretora de Pós-Graduação da UNJu visitou a estrutura ali instalada para pesquisa e pós e se reuniu com o Departamento de Turismo.

Na agenda de sua visita técnica a Universidades paranaenses, também conheceu a UENP – Universidade Estadual do Norte do Paraná, com campi nas cidades de Cornélio Procópio, Jacarezinho e Bandeirantes.

____________________________________________________________________________________________

UNdeC y UEL realizan videoconferencia en el marco de Red ZICOSUR

IMG-20170911-WA0007El uso de indicadores ambientales complementarios fue el tema del videoconferencia realizada en el día 11 de septiembre por la Universidad Nacional de Chilecito (UNdeC-AR) y Universidade Estadual de Londrina (UEL-BR).

El encuentro fue una actividad académica complementaria a la movilidad docente ocurrida anteriormente entre las universidades. También participó de la videoconferencia, la Universidad Autonoma Tomás Frías, de Bolivia.

___________________________________________________________________________________________

Equipe de trabalho UEL e UNIOESTE organiza “Encuentro de Relaciones Internacionales” e “Plenaria de Rectores” da Red ZICOSUR 

IMG-20170904-WA0006.jpg
Ligia Barroso entre Gabriela Christ e Rafael Mattiello, do Escritório de RI da Unioeste

A jornalista Ligia Barroso (UEL), da assessoria da Presidência da Rede ZICOSUR Universitária, esteve em Cascavel no início de setembro para encontro com a equipe do Escritório de Relações Internacionais e Interinstitucional da UNIOESTE, Universidade anfitriã da próxima Plenária de Reitores e do I Encuentro de Relaciones Internacionales, que será realizado no dia 5 de outubro, em Foz do Iguaçu.

_________________________________________________________________________________________

Movilidad Zicosur entre Nacional de Formosa (AR) y Nacional del Este (PY)IMG-20170904-WA0005

El Rector Ing. Martin Romano, de la Universidad Nacional de Formosa, Argentina,  recibió en su despacho a la estudiante Emilce Villalba de la Universidad Nacional del Este – Paraguay,  quien realizará un semestre de 2017 en UNaF en el marco del Programa de Movilidad de ZICOSUR Universitaria.


Mediante convenio con Universidad brasileña c
apacitarán a docentes de la Unican

ABC Color
Edición 23/08/2017

SALTO DEL GUAIRÁ (Rosendo Duarte, corresponsal). La Universidad Nacional de Canindeyú (Unican) suscribió un convenio con la Universidad Estadual de Londrina (UEL), Brasil, para la capacitación de sus docentes e intercambio de alumnos. El principal interés es elevar el nivel de los académicos de la zona para contar con magísteres y PHDs a fin de mejorar el nivel de enseñanza.

Con la finalidad de promover la cooperación internacional en el contexto académico, la Unican ha suscrito un convenio marco con la UEL. El acuerdo tiene como objetivo propiciar movilidades académicas, oportunidades de colaboración y la necesidad de la internalización del contexto académico (intercambio de profesores y estudiantes, desarrollo de actividades de investigación y la extensión universitaria).

El decano de la Facultad de Ciencias Económicas, Ariel Ramírez, manifestó que la firma del convenio con dicha universidad –que cuenta con más de 20.000 alumnos– fortalecerá la preparación académica de los alumnos y de los profesionales. En ese sentido, la primera actividad académica entre ambas universidades consistirá en el curso de maestría en Derecho, que será dictada en la sede de Salto del Guairá de la Unican.

“Las universidades del país necesitan que los profesionales que imparten sus conocimientos a los futuros profesionales sean de calidad, por lo que se está trabajando en que los mismos realicen las maestrías y doctorados correspondientes”.

El coordinador de maestrías en Derecho de la Universidad de Londrina, doctor Elve Miguel Ceinci, resaltó que a partir de esta convenio se abre la posibilidad de grandes proyectos educativos. El primero paso sería la maestría enfocada en negocios jurídicos y relaciones internacionales. Los facilitadores serán catedráticos de la UEL y tendrá una duración de 24 meses. Arrancaría en 2018.

Docente da Nacional de Jujuy (UNJu-AR) participa de palestras e rodas de discussão na Universidade Estadual Norte do Paraná (UENP-BR)

Assessoria de Comunicação UENP
18/08/2017
Professora da Argentina visita UENP
A professora Vanessa Civila, da Universidad Nacional de Jujuy, visitou, na última semana, os campi da Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP). Durante dois dias (17 e 18 de agosto), a professora participou de palestras, mesas-redondas e roda de discussão com estudantes e professores da Universidade. A visita, acompanhada pela Coordenadoria de Relações Internacionais (CRI) da UENP, foi financiada pela Rede Zicosur Universitária (Zona de Integração do Centro Oeste Sul-Americano).

Para a professora Eliane Segati Rios Registro, coordenadora da CRI, a visita foi extremamente importante, pois alunos e professores dos três campi puderam interagir com a professora visitante. “Além disso, a contribuição da professora Vanessa ultrapassou as questões acadêmicas, contribuindo também para o conhecimento cultural e linguístico de nossa comunidade universitária”, acentuou Eliane.

Na quinta, a professora visitou o Campus Luiz Meneghel onde participou de reunião com membros do Núcleo de Estudos de Agroecologia e Territórios (NEAT). No período da tarde, ela realizou uma visita ao Centro de Ciências Humanas e da Educação (CCHE) do Campus de Jacarezinho onde participou de uma roda de discussão com estudantes de Pedagogia e História sobre o trabalho que realiza e seu livro “Argentina e suas paisagens culturais”. No final da tarde, esteve em reunião, no Campus de Cornélio Procópio, com docentes do mestrado Profissional em Ensino da Instituição.

Na sexta-feira à tarde, a docente participou de uma mesa-redonda, no Campus Luiz Meneghel, sobre diversidade cultural que contou com a presença de professores e alunos de Agronomia (graduação e mestrado) e Ciências Biológicas. À noite, realizou palestra sobre a Identidade Cultural Argentina e suas matrizes culturais ao 1º ano do curso de Geografia.

 

Professora da Universidade de Jujuy (AR) ministra palestra sobre Paisagens Interculturais na Universidade Estadual de Londrina (BR)

Agência UEL de Notícias
16/08/2017


Vanesa Orellana, da Universidad Nacional de Jujuy

A professora Vanesa Orellana, da Universidad Nacional de Jujuy, localizada na Argentina, esteve nesta quarta-feira (16) na UEL em mobilidade docente realizada pela Red Zicosur Universitária, com apoio da Secretaria da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (SETI) e Fundo Paraná. Ela ministrou palestra sobre Paisagens Interculturais, na Sala 101, do Centro de Letras e Ciências Humanas (CLCH).

A palestra realizada na UEL abordou aspectos turísticos, da crença humana e corporal dos patrimônios culturais Quebrada de Mawaca, na Argentina e, Caminho de Santiago de Compostela, na Espanha. A professora está no Brasil desde o início do mês, e realiza atividades na graduação, mestrado e doutorado nas Universidades Estaduais do Paraná.

Vanesa já esteve na Unicentro, nos Campus de Guarapuava e Irati, outras atividades estão programadas até 1º de setembro. São visitas a outras instituições de ensino superior, como UENP, UNIOESTE e UEPG, além de visitas agendadas em São Paulo e Rio de Janeiro.

Os estudos da professora Vanesa Orellana compreendem Comunicação e Estudos sobre Patrimônio, Paisagens e Estudos Culturais. São temas relacionados à identidade, patrimônio, memória, arquivo e tradição. A professora explica que as áreas de estudos são amplas, trazendo abordagens das Letras, História, Artes, Comunicação, Turismo, Geografia e Desenvolvimento Comunitário.

As pesquisas da professora também estão vinculadas aos estudos da área de turismo, bem como contribuições relacionadas à arquitetura paisagística e sustentabilidade do espaço patrimonial a partir da Análise do Discurso e da Arte, especialmente em Estudos do Folclore.

 


Professora da Universidade de Londrina (Brasil) desenvolve atividades na Universidad de Catamarca (Argentina)

Agência UEL de Notícias
4-07-2017
4-7-2017-p-guedes
Professora Carmen Luísa Barbosa Guedes (ao centro), em intercâmbio docente de 10 dias

A professora Carmen Luísa Barbosa Guedes, do Departamento de Química da Universidade Estadual de Londrina (UEL), e pesquisadora da área de biocombustíveis, esteve em mobilidade docente, por meio da Red Zicosur Universitária, na Universidade Nacional de Catamarca (UNCA). Ela desenvolveu atividades na Faculdade de Ciências Exatas e da Natureza, que possui os cursos de Física, Química e Ambiental.

Com duração de 10 dias, o intercâmbio docente realizado em junho teve como objetivo promover a troca de conhecimentos e experiências em bioenergia e metodologia de ensino. A professora agradeceu a oportunidade de vivenciar a mobilidade acadêmica, o que ainda reforçou o vínculo entre as Universidades.

Durante o intercâmbio ela visitou o Centro de Energia da UNCA, que abriga equipamentos de alta tecnologia para o desenvolvimento de pesquisa em duas linhas: a primeira em célula combustível – hidrogênio, e a segunda em energia solar fotovoltaica. Além de assistir a seminários e atividades desenvolvidas pelos alunos da graduação, a professora da UEL participou de reuniões para estabelecer projetos de colaboração, visando o desenvolvimento de projetos entre as duas Instituições.

Como a Universidade Nacional de Catamarca (UNCA) não oferta curso de pós-graduação na área de biocombustíveis, há o interesse do estabelecimento de parceria, já que a UEL tem programas e atividades acadêmicas dentro de cursos de pós-graduação. A ideia é incorporar os países do Mercorsul no Programa de Pós-Graduação em Bioenergia, uma associação em rede das instituições: UEL, UEM, UEPG, UFPR, UNICENTRO e UNIOESTE. A iniciativa também conta com a parceria da EMBRAPA, IAPAR e UTFPR.

“Somos mais estruturada em recursos humanos que a UNCA e isso serve como referência para o desenvolvimento da universidade que busca melhorar a formação dos novos profissionais”, afirma a professora Carmen Guedes. Vale ressaltar que a professora foi beneficiada pelo edital de mobilidade docente no âmbito da Rede Zicosur. O edital foi lançado pela Assessoria de Relações Internacionais (ARI) da UEL destinado à área de energias renováveis ou alternativas, não convencionais, que conta com financiamento do Fundo Paraná, da Secretaria Estadual de Ensino Superior, Ciência e Tecnologia (SETI).

O programa visa o incentivo a pesquisadores para o aprimoramento de técnicas científicas, troca de experiências, preparação de artigos científicos ou oferecimento de cursos e seminários de curta duração. Com a integração promovida pela ARI, a Rede Zicosur tem um site criado especialmente para a divulgação das Universidades membros, na área de intercâmbio e de mobilidade acadêmica.

A reitora da UEL, Berenice Quinzani Jordão, é a atual presidente da rede Zicosur Universitária que envolve as sete IEES do Paraná, totalizando 33 universidades públicas instaladas na Argentina, Bolívia, Brasil, Chile e Paraguai, países membros da Zona de Integração do Centro Oeste Sulamericano.

A rede Zicosur Universitária consiste no fortalecimento das intuições por meio do incremento na mobilidade acadêmica de estudantes e docentes, e na integração de programas e projetos de pesquisas e de extensão desenvolvidos pelas diferentes instituições internacionais, que são de áreas e interesses comuns entre os países. É a possibilidade de um intercâmbio de conhecimento científico, facilidade de acesso a processos tecnológico inovadores e melhorias para a promoção do desenvolvimento social, cultural e econômico desta zona de integração.


Professor da Universidad Nacional de Catamarca é recebido na UEL
Agência UEL de Notícias

4-7-2017-g-argentino

A reitora da UEL, Berenice Quinzani Jordão, recebeu ontem, segunda-feira (4), no Gabinete da reitoria, a visita do professor Francisco Ángel Fillipín, da Universidade Nacional de Catamarca (UNCA), localizada na Argentina. O professor está em mobilidade docente na UEL até o próximo dia 12, por meio da Red Zicosur Universitária.

Fillipín é professor da Faculdade de Ciências Exatas e da Natureza. Físico experimental na área de Eletroquímica, ele desenvolve atividades no Centro de Pesquisa em Energia, com foco em duas vertentes: célula combustível – hidrogênio e energia solar fotovoltaica. Na UEL, o professor da UNCA ministra na Pós-graduação em Química a disciplina de Célula Fotovoltaica, além de curso de extensão direcionado aos alunos do curso de Química.

O professor estava acompanhado da professora Carmen Luísa Barbosa Guedes, do Departamento de Química, do Centro de Ciências Exatas (CCE), que também fez mobilidade docente na Universidade Nacional de Catamarca (UNCA) no mês de junho. Também acompanhou a visita a Assessora de Relações Internacionais da UEL, professora Telma Gimenez.


UENP realiza exposição de artes plásticas no Paraguai

A Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP), por meio da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura (PROEC) e da Coordenadoria de Relações Internacionais (CRI), realizou, na última semana, o 1º Intercâmbio Cultural das Artes (IC das Artes), na Universidade Nacional de Itapúa, no Paraguai. A exposição, que contou com obras de artistas do Norte Pioneiro do Paraná, fez parte da programação do evento “Expo Libro, Arte y Cultura de la UNI 2017”, realizado na cidade de Encarnación, em comemoração aos 150 anos da Epopeia Nacional, o Centenário de Augusto Roa Bastos e o vigésimo aniversário da UNI.

Para a curadora da mostra IC das Artes, Karina Muniz, a exposição foi um testemunho visual capaz de produzir fusões entre o tangível e o intangível, que condensam a memória coletiva de diferentes atores sociais. “As produções transitaram entre o imaginário coletivo e o uso de técnicas ditas como clássicas, mas que na contemporaneidade, ultrapassam o tempo real para atingirem o tempo do indivíduo”, disse a curadora. Foram expostas obras dos artistas André Silveira Reis, Edmilson Donizetti do Nascimento, Juscelino Biagini, Luiz Fernando Angelo, Marlon Sérgio, Marina Moura, Selma Foggiato e Tiago Angelo, além do artista convidado, Clóvis Afonso (CaCosta), de Ourinhos.No intercâmbio, a UENP foi representada pelo diretor de Cultura, James Rios; pelo chefe de Divisão de Cultura, Alexander Gonçalves; e pelos acadêmicos Beatriz dos Santos da Silva e Rafael Braz. “A troca de experiências foi muito rica, uma vez que tivemos a oportunidade de compartilhar os mesmos anseios e aprender, mutuamente, com as dinâmicas de trabalho de cada instituição”, ressalta James Rios. Ele acrescenta ainda que que a visita à Universidad Nacional de Itapúa “foi de suma importância para que pudéssemos ter um panorama dos trabalhos voltados à arte e à cultura no Paraguai”.O acadêmico Rafael Braz, selecionado para realizar a mediação das obras durante a exposição, conta que essa segunda experiência de intercâmbio superou suas expectativas. Ele, que já esteve em mobilidade estudantil na Colômbia, disse que “a oportunidade me fez reconsiderar conceitos e ideias arraigados sobre a língua espanhola, como o novo sotaque, o novo jeito de pronunciar palavras, além de conhecer uma nova cultura e ser acolhido por ela”. A acadêmica Beatriz dos Santos da Silva, também selecionada para mediação das obras, comenta que, “além de poder exercitar a língua espanhola, a experiência me proporcionou o conhecimento de outra cultura e costumes”.Além de acompanhar a exposição, realizada de 30 de maio a 2 de junho, os professores James Rios e Alexander Gonçalves ministraram a conferência “A cultura na Universidade em tempos de crise”, na Faculdade de Humanidades, da UNI. Juntamente com os alunos da UENP, participaram de reuniões com o reitor da UNI, Ing Hildegardo González Irala, e outras instâncias dentro da universidade paraguaia.

Reunião

Na quinta-feira (25/05), foi realizada uma reunião com os artistas que tiveram as obras selecionadas para exposição. O encontro, na reitoria da UENP, foi acompanhado pela reitora Fátima Aparecida da Cruz Padoan, pelo vice-reitor Fabiano Gonçalves Costa, pela coordenadora de Relações Internacionais da UENP, Eliane Segatti Rios Registro, e pelo diretor de Cultura, James Rios.“É muito gratificante para nossa Universidade poder contribuir no processo de divulgação das obras de nossos artistas regionais, dando assim ainda mais visibilidade para a produção local”, disse a reitora da UENP. “Tenho muito a agradecer à UNI que possibilitou esse intercâmbio cultural e ao ótimo trabalho da Coordenadoria de Relações Internacionais e da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura da UENP que trabalharam para que essa exposição pudesse acontecer”, disse Fátima.A professora Eliane Segatti destaca que “A experiência com a Universidade de Itapúa, no Paraguai, foi extraordinária, desde a seleção das obras até a sua exposição, oportunizando a vivência acadêmica e cultural dos nossos docentes e discentes. É a internacionalização, em um movimento de valorização do regional para o internacional”. A professora ressalta ainda que o Programa Intercâmbio das Artes está apenas começando. “Sob o abrigo do convênio Zicosur, teremos condições de dar visibilidade à expressão artística regional a outros países, a exemplo do Chile, Bolívia e Argentina”, comenta.



Representantes de Universidades Paraguaias são recebidos na UEL

A UEL recebeu nesta terça-feira (6), na Sala dos Conselhos, a visita de membros de Universidades Paraguaias, que integram a Red Zicosur Universitaria. O objetivo da visita ao Brasil é estreitar relações com as Universidades Estaduais do Paraná, promovendo integração e regionalização das atividades. Além de assistirem a uma apresentação sobre a Universidade, os visitantes conheceram a Assessoria de Relações Internacionais (ARI), Rádio UEL e TV UEL, Agência Internacional de Tecnologia (AINTEC), e também a Comissão Universidade para os Índios (CUIA).

A comitiva é formada por Mariano Adolfo Pacher Morel, vice-presidente da Red Zicosur Universitaria, e reitor da Universidad Nacional de Canindeyú (UNICAN), Juan Manuel Silvero, encarregado da pós-graduação e relações internacionais da Universidad Nacional de Asunción (UNA), Hermenegildo Cohene Velázquez, decano da Facultad de Ciencias y Tecnología de la Universidad Nacional de Itapúa (UNI), e Edgar Catalino Ferreira Sánchez, secretario executivo da Asociación de Universidades Públicas del Paraguay (AUPP), e docente de Comunicación da Universidad Nacional de Concepción (UNC). Em seguida, conforme programação, os membros das Universidades Paraguaias seguem para a Universidade Norte do Paraná (UENP).

Como conta Edgar Sánchez, a UNC possui apenas 10 anos, e o curso de Comunicação tem sete anos de criação. Por isso, há um grande interesse em conhecer como a UEL, com mais de 45 anos de atuação, desenvolve as atividades acadêmicas, e como os cursos de Comunicação Social formam os estudantes. “Existe um modelo do jornalismo brasileiro que queremos seguir, que atua com mais proximidade com as pessoas. É referência em jornalismo investigativo e científico”, afirma Edgar.

Participaram da reunião a Assessora de Relações Internacionais da UEL, Telma Gimenez, a pró-reitora de Graduação, Sueli Rufini, pró-reitor de Extensão, Gilberto Hildebrando, e a diretora de Acompanhamento Administrativo da Pró-reitoria de Extensão (PROEX), Lisiane Freitas de Freitas, o diretor de Pesquisa da Pró-reitoria de Pós-Graduação (PROPPG), Fábio Pitta, diretora do Centro de Educação, Comunicação e Artes (CECA), Zilda de Andrade, coordenadora de comunicação da UEL, Ligia Barroso, e a coordenadora do Colegiado de Pós-Graduação Lato Sensu, Tânia Lobo.


Professor participa de programa de mobilidade na UEL

O professor da área de Agronomia Alejandro Carrizo, da Universidad Nacional de Chilecito (UNdeC), da Argentina, estará na UEL até o próximo dia 16, por meio do programa de mobilidade docente da Red Zicosur Universitária. Ele foi recebido ontem (5) pelo reitor em exercício, professor Ludoviko Carnasciali dos Santos, pela assessora de Relações Internacionais, professora Telma Gimenez, e pelo professor Amarildo Pasini, do Departamento de Agronomia, do Centro de Ciências Agrárias (CCA).

O objetivo da mobilidade é promover a troca de conhecimentos e experiências em economia agrária e metodologia de ensino, que são as áreas de pesquisa do professor Alejandro Carrizo. “Tenho um projeto de seminário virtual, que conectaria estudantes e professores de diferentes lugares, possibilitando o intercâmbio de conhecimento, independentemente da distância”, explica Alejandro.

Durante a mobilidade, o pesquisador vai visitar a unidade da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA), o Instituto Agronômico do Paraná (IAPAR), a Mata dos Godoy, assentamentos de produção orgânica na região e a Fazenda Escola da UEL. Ele também vai participar de atividades com alunos do quinto ano do curso de Agronomia, do CCA, e com profissionais da Rota do Café.


Intercambio de experiencias entre UENP – Brasil y UNI

Una importante reunión se cumplió el día miércoles 31 de mayo a partir de las 15:30 horas en la Sala de Profesores de la Facultad de Humanidades, Ciencias Sociales y Cultura Guaraní; oportunidad en la que se reunieron directivos de HUMA, docentes y estudiantes de la Universidad Estadual del Norte de Paraná (Universidade Estadual do Norte do Paraná – UENP) del Campus de Jacarezinho, municipio ubicado a 385 km de Curitiba.

Los mismos se encuentran cumpliendo una nutrida agenda  de trabajo  en la UNI en el marco de la RED ZICOSUR, Programa de Movilidad Docente y Estudiantil.

De la reunión participaron por la UNI el Dr. Antonio Kiernyezny, Decano de la Facultad de Humanidades, el Dr. Osvaldo Moreira, Director Académico, la Lic. Carolina Balcázar, Jefa de Difusión Cultural del Rectorado, Lic. Leticia Barboza, Directora del Ballet Arandu Jeroky, Lic. María Lina Cacace, Jefa de Difusión Cultural de HUMA, Adolfo Arrúa, Director de la Orquesta Infanto Juvenil de la ciudad de Encarnación y la Mg. Sintia Carolina Ortiz, Docente.

Por la UENP asistieron los docentes Alexander Gonçálvez , James Ríos y los estudiantes Rafael Braz da Paz Oliveira , Beatriz dos Santos da Silva.

Durante el encuentro el Dr. Kiernyezny realizó una descripción de los aspectos referidos a las actividades culturales de la UNI: el CORUNI, el Ballet Arandu Jeroky, el elenco de teatro, el Club de Ajedrez. Las responsables de cada uno también comentaron los inicios y las actividades propias.

El Prof. Adolfo Arrúa también comentó a cerca de la orquesta, sus integrantes, la cantidad de participantes, los instrumentos con que cuentan, entre otros aspectos.

La situación de los indígenas en el Departamento, también fue un tema presentado, así como el bilingüismo en el Paraguay.

Por su parte los visitantes comentaron acerca de la UENP, sus realidades institucionales y proyecciones a futuro, sus actividades culturales. Esta Universidad es una institución educativa cuya misión está íntimamente vinculada a las ideas del desenvolvimiento de la región en la que cual está inserta, sin dejar de considerar que la ciencia y el conocimiento trascienden los límites geográficos.

Esta reunión forma parte de una de las actividades que tienen previstas realizar los visitantes.


Anúncios